Método ROPA

Através de nossos especialistas altamente qualificados, oferecemos uma opção para que casais de mulheres possam ter uma maternidade compartilhada.

O que é o método ROPA?

Ultimamente tem havido uma crescente tendência de casais de mulheres que desejam ser mães e que ambas possam ter participação biológica na maternidade.. Para esses casos, implementamos o Método ROPA. Este método consiste em ambas as mulheres que formam o casal compartilharem ativamente o processo de Fecundação in Vitro, sendo uma delas a mãe genética, que fornece o óvulo do bebê, e a outra, a mãe gestante, ao realizar a gravidez.

O que significa o método ROPA?

O significado das siglas deste método é: Recepção de Ovócitos do casal (Recepción de Ovocitos de la Pareja, em espanhol). Essa técnica permite que um casal formado por duas mulheres tenha uma maternidade compartilhada e ambas tenham participação ativa.

O método ROPA, juntamente com a Inseminação Artificial e a Fecundação In Vitro (FIV) com sêmem de doador, são as principais opções que casais desse tipo têm para se tornarem mães.

Para quem é indicado?

  • Mulheres que desejem ser mães e ambas terem uma participação ativa no procedimento.
  • Casais de mulheres que tenham recorrido à reprodução assistida e que uma delas tenha limitações na obtenção de óvulos devido à baixa qualidade ovocitária, doenças hereditárias que não podem ser detectadas por técnicas de PGT, inacessibilidade dos ovários para a obtenção de ovócitos ou ausência de ovários.
  • Também em casos de seguidas falhas de implantação.

El significado de las siglas de este método es: Recepción de Ovocitos de la Pareja. Esta técnica permite a una pareja formada por dos mujeres llevar adelante una maternidad compartida y tener ambas una participación activa. El método ROPA junto con la Inseminación Artificial y la Fecundación In Vitro (FIV) con semen de donante, son las principales opciones que tienen este tipo de parejas para poder convertirse en madres.

omo explicamos anteriormente, este método está pensado para aquellas parejas homosexuales de mujeres que deseen ser madres y tener ambas una participación activa del procedimiento. También se indica éste método para parejas de mujeres que hayan recurrido a la reproducción asistida y que una de las ellas tenga limitaciones para la obtención de ovocitos ya sea por mala calidad ovocitaria, por enfermedades hereditarias que no pueden ser detectadas por técnicas de PGT, por tener ovarios inaccesibles para la obtención de ovocitos o por ausencia de ovarios. También se indica a aquellos casos en los que la FIV falló repetidamente con anterioridad.

Como é o procedimento do método ROPA?

  • Estimulação ovariana: consiste na auto administração de injeções diárias para estimular os ovários a produzirem uma quantidade maior de ovócitos, em vez de produzir apenas um único óvulo. Isso permite obter um maior número de embriões para selecionar aquele que seja mais compatível com o desenvolvimento posterior da gravidez. Tem uma duração aproximada de 10 a 20 dias, dependendo de cada paciente. Durante esse período, é feito o monitoramento por meio de ecografias para observar o crescimento dos folículos e determinar quando a punção será realizada.
  • Fecundação e transferência: após a punção, os óvulos são fertilizados com os espermatozoides da amostra de sêmen. Esse procedimento pode ser realizado por meio da técnica de FIV tradicional ou por ICSI. Os embriões são cultivados em incubadoras especiais de última geração até o quinto dia de desenvolvimento e são classificados de acordo com a morfologia e capacidade de divisão. A transferência embrionária é feita introduzindo o embrião de melhor qualidade no útero materno com uma cânula específica. A transferência é um procedimento indolor, rápido e é realizado sem a necessidade de aplicar anestesia.
  • Vitrificação de embriões: é importante mencionar que os embriões que não foram utilizados no procedimento e que sejam de boa qualidade são vitrificados para serem utilizados em um ciclo posterior, sem a necessidade de repetir a estimulação ovariana.

Que relação tem este método com a Fecundação in Vitro (FIV)?

Para realizar este método, é necessário passar por um tratamento de reprodução assistida de alta complexidade, como a FIV. Esse tratamento consiste em fecundar os óvulos obtidos com espermatozóides provenientes da amostra de sêmen do doador. Uma das mulheres será responsável por fornecer seus próprios ovócitos, que serão posteriormente fecundados com o sêmen do doador, e o embrião resultante será transferido para o útero da outra mulher. Dessa forma, ambas participam do processo com o objetivo de conseguir a gravidez desejada.

Recomendações pré-operatórias

  • Não consumir álcool ou fumar pelo menos 24 horas antes da intervenção.
  • Ficar em jejum por 8 horas antes da intervenção.
  • Tomar banho e lavar o cabelo antes de ir a clínica. No dia da intervenção, não usar maquiagem, esmalte nas unhas, cremes corporais, óleos ou perfumes.
  • Comparecer com roupas confortáveis.
  • Ir acompanhada por uma pessoa responsável que a acompanhe durante o pós-operatório e na saída da clínica.

Perguntas frequentes

Em princípio, o Método ROPA costuma ter resultados muito bons. Isso vai depender da idade da mulher que fornece os óvulos. Na maioria das vezes, casais de mulheres realizam esse tratamento não por uma causa de infertilidade, mas sim para conquistarem o sonho de serem mães. No entanto, o resultado final vai depender da idade da mulher que fornece os ovócitos.

Ele se parecerá com ambos os membros do casal. Por um lado, a pessoa que fornece o ovócito contribuirá com o material genético, e por outro lado, em relação ao doador do sêmen, sempre se busca alguém com características semelhantes à nova família. E a pessoa que carregará o embrião no útero também contribuirá através da epigenética e modelagem do DNA, portanto, o bebê poderá se parecer com ambas as pessoas.

Na Argentina, esse tratamento é regulamentado. As pacientes devem assinar um consentimento informado do tratamento. Os requisitos são os mesmos que um paciente que passará por um tratamento de reprodução deve cumprir, incluindo exames básicos e atualização dos controles ginecológicos.

Pesquisar